close

CORNOS - Presidente da Ascron protesta por falta de repasse do Governo do Estado para carnaval em Porto Velho

Vamos desfilar com uma tarja preta no chifre em protesto a este desserviço de corno que fizeram com o carnaval da Porto Velho” arrematou Soares.

DA REDAÇÃO

11 de Fevereiro de 2010 às 14:20

CORNOS - Presidente da Ascron protesta por falta de repasse do Governo do Estado para carnaval em Porto Velho

FOTO: (Divulgação)

Pedro Soares presidente da ASCRON - Associação dos Cornos de Rondônia compareceu na manhã desta quinta-feira (11) na redação do Jornal Rondoniaovivo, onde concedeu entrevista exclusiva sobre os recursos que o Governo do Estado não repassou as Escolas de Samba de Porto Velho .
Segundo Pedro Soares, o Governo não fez o planejamento devido para promover o repasse tão esperado para o carnaval 2010. “Fez serviço de amador este pessoal da Secel”, se referindo a Secretaria de Esportes Cultura e Lazer, que não inseriu proposta no orçamento do Estado. Vale ressaltar que a referida secretaria em questão, tem no seu comando o conhecido professor Jucelis, pessoa que tem deixado a desejar no gerenciamento da cultura do Estado.
Soares disse ainda, o Governo do Estado deveria acabar com esse jogo de ping-pong com a prefeitura e olhar mais para as necessidades da nossa capital, “fica esse disse me disse, e não se sabe quem está falando a verdade, e nós que lutamos dia e noite para desenvolver um trabalho em prol da cultura, principalmente nessa época, em que dependemos da ajuda dos governantes para sanar os compromissos adquiridos na realização do carnaval, ficamos aos léu e a mercê, sem saber como vamos ficar com essa triste realidade, em que se encontra hoje o carnaval de Porto Velho” diz indignado Soares.
Os nossos gerentes culturais tem que criar vergonha na cara e parar com esse jogo de politicagem e se preparar mais em todos os sentidos, para saberem pelo menos dar uma explicação convincente a todos nos que vivenciamos e com muito sacrifício realizamos o carnaval aqui em Porto Velho, pra mim é falta de competência e planejamento”, completou Pedro Soares.  
Segundo Pedro, o governador diz que o estado de Rondônia está em segundo lugar em desenvolvimento no cenário nacional. “Como ele pode afirmar uma coisa dessas se ele não teve o planejamento para ajudar os que atuam diretamente com a cultura da capital de Porto Velho”.
Finalizando, Pedro Soares disse que a ASCRON está solidária com essa causa em prol de todas as escolas de samba e blocos que estão participando do carnaval 2010, e estará participando da festa na segunda feira(15), em destaque pela Escola de Samba Rádio Farol.
Vamos desfilar com uma tarja preta no chifre em protesto a este desserviço de corno que fizeram com o carnaval da Porto Velho” arrematou Soares.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS