close

Academia da Polícia Civil realiza aula inaugural para aprovados no concurso de 2014

O curso contém 1.016 horas, com 30h de palestras, 546h de grade comum.

DA REDAÇÃO

19 de Outubro de 2017 às 15:28

Academia da Polícia Civil realiza aula inaugural para aprovados no concurso de 2014

FOTO: (Divulgação)

Pelo menos 144 candidatos aprovados no concurso da Polícia Civil de Rondônia, realizado pela Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec) em 2014, participarão na próxima sexta-feira, 20, da aula inaugural da segunda turma, que acontecerá a partir das 8h, no auditório da Ulbra, em Porto Velho.

De acordo com o diretor da Academia de Polícia, delegado Túlio Anderson, ainda na sexta-feira à tarde haverá reunião na academia com os alunos para instruções sobre o uniforme, que deve ser providenciado por cada um; comportamento durante o curso, entre outras orientações. Mas o curso começará oficialmente na segunda-feira, 23, das 8h às 18h, podendo ocorrer aulas à noite, com duração de seis meses.

O delegado explicou que na primeira etapa, realizada de 2015 a 2016, foram também 144 vagas abertas. Desse total, 21 são para delegado, 9 para perito, 60 para agente de polícia, 45 para escrivão, 2 para datiloscopista, 4 para técnico de necropsia e 3 para agente de criminalística. O curso contém 1.016 horas, com 30h de palestras, 546h de grade comum, 120h de aulas específicas e 320h de estágio. A previsão é que as aulas teóricas sejam concluídas em 3 de março de 2018 e o estágio em 30 de abril.

Após o curso, ministrado por cerca de 70 instrutores, os 144 novos policiais civis serão lotados em vários municípios do interior do estado e distritos, atendendo ao critério de maior demanda. A lista com as localidades estará disponível durante a aula inaugural, quando estarão confirmadas todas as matrículas.

Na primeira etapa, cujos aprovados tomaram posse em 2016, dos 144 que começaram o curso cerca de 133 concluíram. Após a relotação de policiais antigos, que puderam optar pelo município que pretendiam atuar, foi constatada a necessidade de novas contratações com a prorrogação do concurso de 2014, conforme revelou o diretor.

Além das aulas dentro da Academia de Polícia, nestes próximos seis meses eles participarão também de atividades operacionais em campo aberto, na selva, em cenário com casa abandonada com evidência de crime, entre outras ações, como campanha de doação de sangue e pit stop com orientações à população sobre determinado problema. Na etapa anterior foi sobre malária.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS