close

LUTADOR: Presbítero tem a perna amputada e pede ajuda para tratamento

Ele foi diagnosticado com lúpus e, devido a baixa imunidade, uma picada de mosquito se tornou uma infecção generalizada

RONDONIAOVIVO

18 de Outubro de 2019 às 16:03

LUTADOR: Presbítero tem a perna amputada e pede ajuda para tratamento

FOTO: (Divulgação)

O Presbítero Éder José de Sousa Albuquerque, 38 anos, da Igreja Evangélica Assembleia de Deus(Madureira) Betel, localizada na rua Magno Açolino, 4798, sub-esquina com Percir Rolder, no bairro Cidade Nova, em Porto Velho, está passando por um momento difícil e necessita de ajuda.

 

No momento, ele está precisando urgentemente de um par muleta, cadeira de rodas e de banho. Quem quiser ajudar, pode entrar em contato pelos telefones: 9 9362 8114(Éder) ou 9 380 3040 (Geraldo).

 

A vida de Éder começou a mudar há cinco anos, quando ele foi diagnosticado com lúpus, que é uma doença autoimune. Isso fez com que ele passasse por uma série de tratamentos. No último mês de agosto, o pastor deu entrada no Hospital João Paulo II, devido a uma picada de mosquito, mas como estava com a imunidade baixa, a lesão se tornou uma infecção generalizada, que atingiu o braço e a perna dele.

 

Por esse motivo, ele teve que ser internado na UTI. O quadro clínico dele se agravou e a medicação não conseguiu conter a infecção, então os médicos decidiram pela amputação da perna direita de Éder.

 

A esposa do presbítero teve que parar de trabalhar para se dedicar aos cuidados do marido. O casal tem três filhos e toda essa situação fez com que a família esteja passando por dificuldades financeiras.

 

As contribuições arrecadadas serão usadas também para que sejam feitas as adaptações necessárias na casa da família, para facilitar a locomoção e a adaptação de Éder ao novo modo de vida.

LUTADOR: Presbítero tem a perna amputada e pede ajuda para tratamento
LUTADOR: Presbítero tem a perna amputada e pede ajuda para tratamento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS