69 9353-3037 | 69 3225-5866

Logo Rondoniaovivo - Notícias, Classificados e Banco de Empregos de Rondônia

Quinta-Feira, 30 de Junho de 2016


Quarta-Feira, 11 de Dezembro de 2013 às 14:25 - Atualizado em Quarta-Feira, 11 de Dezembro de 13 às 14:34

Advogado é condenado por falsificar assinatura de deputada

O advogado Reginaldo Ferreira Lima, que segundo Beto Baba, em depoimento no Ministério Público “deu um jeito” na assinatura da Deputada Ana da 8, na famosa declaração de comprometimento, já foi condenado pela justiça de Rondônia pelo crime de falsidade ideológica e apropriação indébita, por ter assinado cheques dos clientes, como se fosse o próprio cliente
Vejam parte da sentença condenatória da comarca de Guajará Mirim, nos autos 015.2006.000021-4 “’ Aduziu que o Réu, na qualidade de Advogado, falsificou dois cheques emitidos nominalmente as vítimas Ivanilda Ramos e Francisco Vieira, seus constituintes, a título de pagamento de indenização securitária concedida judicialmente, contrafazendo a assinatura daqueles no versos das cártulas, conseguindo, com esse expediente, sacar os respectivos valores, dos quais se apropriou em parte”
Por esse ato delituoso o advogado Reginaldo Ferreira Lima, foi condenado a pena de 2 anos de reclusão, transformado em prestação de sérvios e pagamento de multa de 2 mil reais, e o processo transitou julgado em 1 de agosto de 2012 (guia de Execução Abaixo.)
O Estranho é que o Advogado, useiro e vezeiro deste expediente, compareceu a comissão processante da Assembleia legislativa, para reafirmar as acusações contra a deputada, mas não explicou como conseguiu reconhecer a firma no documento, e segundo informações “in Off”
Esse depoimento de uma pessoa que não tem credibilidade nenhuma, pode pesar na formação de pensamento dos deputados da comissão.


Fonte: Assessoria

Tag's:

GOSTOU DA MATÉRIA, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS E FAMILIARES:








Rondônia | 29/06/2016 | 18:02
Incra entrega 248 cadastros ambientais às associações dos assentados

Política | 29/06/2016 | 18:01
Airton Gurgacz destaca importância do PDES no Estado

Política | 29/06/2016 | 18:00
Renan diz que julgamento final do impeachment deve sair dia 20/8

Brasil | 29/06/2016 | 17:45
Corpo esquartejado é encontrado na Praia de Copacabana

Política | 29/06/2016 | 17:33
Reivindicado por Ana Maria Negreiros Fidoca será reformado em até 120 dias‏

Polícia | 29/06/2016 | 17:29
Aélcio da TV indica asfaltamento para ruas em bairros da Capital

Política | 29/06/2016 | 17:25
Condenado pode cumprir pena em casa se não houver vaga em presídio

Rondônia | 29/06/2016 | 17:15
MP investiga possível formação de cartel entre postos de combustíveis

Capital | 29/06/2016 | 17:11
Governo assina ordem de serviço para reforma do Ginásio Fidoca

Rondônia | 29/06/2016 | 17:09
Fígado da Central de Transplante de RO é enviado para Fortaleza

Vilhena | 29/06/2016 | 17:13
Idoso de 76 anos é detido suspeito de assediar criança de cinco anos

Cacoal | 29/06/2016 | 17:03
Ladrão se passa por cliente para roubar supermercado

Vilhena | 29/06/2016 | 16:55
Hospital confirma morte de garota atropelada por caminhão 'desgovernado'

Brasil | 29/06/2016 | 16:44
Olimpíada aumenta pressão sobre segurança no Rio: veja os principais desafios

Brasil | 29/06/2016 | 16:32
Deputada petista quer instalação de wi-fi para presidiários

Cultura | 29/06/2016 | 16:04
'O último Pistolino' será lançado no Festival Internacional de Paraty

Política | 29/06/2016 | 16:15
Vaquinha virtual para pagar viagens de Dilma alcança R$ 15 mil em duas horas

Brasil | 29/06/2016 | 16:06
Professora mata filha grávida e fere neto de quatro anos no interior de SP

Capital | 29/06/2016 | 15:49
ESGOTO – Comunidade sofre com lama podre em bairro da capital

Política | 29/06/2016 | 15:45
Governo pede reforço em aeroportos após atentado na Turquia

Brasil | 29/06/2016 | 15:28
EUA terá primeira candidata transgênero a disputar um cargo no Congresso

Polícia | 29/06/2016 | 15:16
Acusado do 1º homicídio do ano em Vilhena é absolvido

Brasil | 29/06/2016 | 15:15
Ex-empresário da cantora, irmão de Ivete Sangalo sobrevive vendendo cosméticos