69 99353-3037 | 69 3225-5866

Logo Rondoniaovivo - Notícias, Classificados e Banco de Empregos de Rondônia

Sábado, 30 de Julho de 2016


Terça-Feira, 13 de Março de 2012 às 12:06

69 99353-3037

BR-364 – PRF, DNIT, 5º BEC e SEMTRAM esclarecem desvio na rodovia e obras no ponto de erosão – Vídeo

Uma coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça-feira (13) na sede da PRF (Polícia Rodoviária Federal) em Porto Velho, reuniu o Inspetor J.Ribeiro (PRF), o secretário de trânsito da capital, Cláudio Carvalho, o Diretor do DNIT/RO, André Reitz do Valle, além do Comandante do 5º BEC, Ten Cel Nilton de Figueiredo Lampert
Todos compareceram para esclarecerem duvidas sobre a cratera que se formou na BR-364 além das medidas que estão sendo realizadas para amenizar o pesado tráfego que está sendo desviado pela área urbana de Porto Velho.
De acordo com Cláudio Carvalho, o desvio de tráfego da BR-364 que está sendo feito pelo bairro Ulisses Guimarães, região Leste de Porto Velho, terá a partir desta terça-feira (13) sinalização e uma intensa presença dos fiscais municipais de trânsito que realizarão a fiscalização de eventuais infrações de trânsito para garantir a segurança na área.
O desvio passará pela BR-364 seguindo pela Estrada dos Periquitos, rua Petrolina, rua Vila Mariana, rua José Amador dos Reis, rua Cascalheira até a avenida Mamoré.
“Estamos realizando desde o inicio desta manhã um trabalho de remanejamento de nossos fiscais além de um planejamento de estratégia de trânsito junto ao DNIT e a PRF”, disse Cláudio Carvalho.
Em relação a evidente destruição física das vias, oriundo do constante tráfego de veículos pesados que passarão pelo desvio, Cláudio Carvalho afirmou que já conversou com os responsáveis pelo DNIT/RO e toda a recuperação da área urbana utilizada como desvio será de responsabilidade do departamento nacional de infraestrutura.
O Inspetor da PRF, J.Ribeiro, garantiu que para zelar pela segurança dos munícipes, será realizado uma restrição de circulação de veículos pesados pelo desvio do bairro Ulisses Guimarães, além de patrulhamento de patrulheiros da PRF/RO no local.
“A Polícia Federal está dando o apoio para garantir a segurança nesse trajeto, por isso estamos trabalhando de forma integrada durante todo o período que precisarmos utilizar dessa rota”, afirmou o Inspetor J. Ribeiro.
5º BEC e DNIT
Sobre o trabalho de construção emergencial de uma ponte que reativaria o fluxo normal de veículos na área de erosão, o Tem Cel Lampert, disse que o trabalho de montagem e fixação da ponte demora de quatro a seis dias, porém ainda não é possível dar um prazo definitivo a comunidade sobre a data de finalização desse trabalho, pois devido ao mal tempo e condições da área ainda não foi iniciado a obra.
“Disponibilizamos sessenta homens do batalhão, já realizamos treinamento de montagem dessa ponte, é uma ponte de sessenta metros e tem uma capacidade inicial de
sessenta toneladas e poderá depois aumentar sua capacidade, além de um possuir uma largura útil de pouco mais de quatro metros”, falou o Ten Cel Lampert.
Já de acordo com o diretor do DNIT, André Reitz do Valle, a perspectiva de reconstrução total da área está entre três a quatro meses e inicialmente a preocupação é para dar todo o suporte aos militares do 5º BEC na montagem da ponte emergencial.
“Ainda não temos o valor total que o contribuinte desembolsará para a reconstrução dessa área da BR-364 que cedeu, os projetos são iniciais e ainda estamos realizando esse levantamento”, concluiu  André Reitz do Valle.
Enquanto isso os moradores do bairro Ulisses Guimarães e adjacências terão de se acostumar com o grande tráfego de veículos de pequeno, médio e grande porte, por aproximadamente duas semanas, isso devido às projeções de montagem da ponte.
A restrição de veículos pesados na BR-364 será nos horários de grande fluxo de veículos entre ás 07h00 e 8h00 e 18h00 e 19h00.


Fonte: Rondoniaovivo - João Paulo Prudêncio

Tag's: Rondoniaovivo,

GOSTOU DA MATÉRIA, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS E FAMILIARES:

69 99353-3037








Brasil | 29/07/2016 | 18:21
Ministério Público Federal pode banir o WhatsApp do Brasil

Polícia | 29/07/2016 | 18:11
Urgente - Tiroteio na Fazenda Bom Futuro no interior do estado

Brasil | 29/07/2016 | 18:02
Temer diz estar "preparadíssimo" para vaia na abertura dos Jogos

Cultura | 29/07/2016 | 17:59
Cineamazônia chega a comunidades quilombolas

Comércio e Indústria | 29/07/2016 | 17:35
Proteja seu carro com rastreador de segurança on-line

Rolim de Moura | 29/07/2016 | 17:36
MP obtém liminar para garantir transporte escolar para alunos

Polícia | 29/07/2016 | 17:26
Subtenente da Polícia Militar morre em acidente na capital

Política | 29/07/2016 | 17:26
O eleitor precisa ficar atento para não cair nas mesmas arapucas

Opinião de Primeira | 29/07/2016 | 17:23
Como é viver sob o domínio do medo e sob o terror das armas

Rondônia | 29/07/2016 | 17:20
FINAL FELIZ - Empresário doa passagens para casal

Brasil | 29/07/2016 | 17:11
Mulher mata marido a facadas após ver conversa dele no Facebook

Jaru | 29/07/2016 | 17:04
Queda de arrecadação afeta pagamento de servidores

Brasil | 29/07/2016 | 17:02
Prédio da Austrália na Vila Olímpica é evacuado após incêndio

Distrito de Campo Novo | 29/07/2016 | 16:56
Servidora cria brinquedo educativo de trânsito

Vilhena | 29/07/2016 | 16:45
Jovem que matou ex no sexo acredita que rapaz ainda está vivo, diz TJ-RO

São Francisco do Guaporé | 29/07/2016 | 16:41
Comarca realizou Curso Preparatório para Pretendentes à Adoção

Ciência e Saúde | 29/07/2016 | 16:28
Novo medicamento pode retardar progressão de Alzheimer em 80%

Capital | 29/07/2016 | 16:22
CINE VENEZA – Confira os ganhadores da promoção do fim de semana

Capital | 29/07/2016 | 15:57
Moradores da Vila Teotônio recebem campanha de prevenção às hepatites

Esportes | 29/07/2016 | 15:54
Nadadores usam óculos para se adaptar em provas noturnas

Colorado do Oeste | 29/07/2016 | 15:50
Mantida condenação de prisão a homem que matou idoso a pauladas

Ciência e Saúde | 29/07/2016 | 15:47
Acadêmico da Uniron desenvolve sistema que promete comodidade e sustentabilidade

Ciência e Saúde | 29/07/2016 | 15:45
Anvisa deve ampliar número de remédios isentos de prescrição