69 99353-3037 | 69 3225-5866

Logo Rondoniaovivo - Notícias, Classificados e Banco de Empregos de Rondônia

Quarta-Feira, 16 de Agosto de 2017


Quinta-Feira, 26 de Agosto de 2010 às 17:14

69 99353-3037 COMUNICAR ERRO

DESCASO II - Obra do viaduto da Campos Sales está abandonada, carros, ônibus e caminhões se espremem em avenida – Vídeo e Fotos

BR 364, principal rota de acesso do estado de Rondônia ao Sul do País e ao estado do Acre, estrada que corta a cidade de Porto Velho, e se torna ponto de ligação entre a zona Sul e o Centro da capital. Todo dia milhares de carros, pedestres e motociclistas se espremem entre caminhões de variados tamanhos e toneladas, e sem ter outra opção arriscam suas vidas para trabalhar, estudar ou realizar qualquer outra atividade que deseje praticar.
 
Avenida Campos Sales, uma das maiores da capital de Rondônia, o seu trajeto passa pelas zonas Norte, Sul e Central. A principal via para quem deseja ser atendido no maior Centro de saúde do estado, o Pronto Socorro João Paulo II.
 
Em certo ponto da cidade essas duas vias de acesso se encontram, e nos últimos anos o trânsito nesse trevo que corresponde a avenida Campos Sales e BR 364 se tornou na definição mais positiva de qualquer pessoa que utiliza esse trajeto em um “Inferno”, o estrangulamento do trânsito acontece nesse local.
 
Devido à zona Sul ter um Centro comercial bastante ativo, esse caminho se transforma em um trajeto de mão dupla intenso, daqueles que vão trabalhar na zona Sul e aqueles que vão realizar seus trabalhos no Centro da cidade.
 
Pensando nisso, e de posse dos quase R$ 338 milhões oriundos dos recursos do Governo Federal repassado para a prefeitura de Porto Velho, os administradores do município deram inicio a um projeto impressionante, a construção de 20 quilômetros de marginais e seis viadutos no perímetro urbano da BR 364. Entre esses viadutos estava à região de encontro entre a Campos Sales e BR 364, essa obra resolveria os problemas de tráfego na ligação zona Sul – Centro, e com certeza o “Inferno” se transformaria em “Paraíso” para a comunidade portovelhense que utiliza essa rota.
 
O inicio da obra foi extremamente conturbado, engarrafamentos monstruosos tomavam conta da avenida Campos Sales, vários motoristas afirmaram que a extensão desses
congestionamentos chegavam até 8 quilômetros, o nervosismo era visível no rosto dos deles. A situação se tornou tão intragável que os gestores de trânsito foram forçados a duplicar a avenida Campos Sales em uma determinada extensão para que o trânsito fluísse. Um novo trajeto foi planejado para que os veículos que transitavam da zona Sul ao Centro da cidade.
 
Porém esse trajeto era apenas temporário, porque nem de longe resolveu o problema dos congestionamentos, todos os dias nos horários das 07h:00 e 18h:00, a situação continua da mesma forma que antes, carros se aglomeram entre caminhões e motos.
 
Nesta ultima terça-feira (24) o Rondoniaovivo.com publicou uma matéria que apresentava o abandono da obra do viaduto da avenida Jatuarana com BR 364, a condição da obra era deprimente, o local estava vazio, e moradores da região ao entorno da construção arriscavam suas vidas atravessando a BR através da obra abandonada.
 
No intuito de saber como anda a construção do viaduto da avenida Campos Sales, a equipe de reportagem do Rondoniaovivo.com foi até o canteiro de obras do viaduto. A cena vista no local causa ojeriza para qualquer cidadão honesto que contribui com impostos para o funcionamento da máquina publica. A obra está totalmente largada, nenhum operário estava trabalhando, nenhum maquinário estava funcionando.
 
Os motoristas que passam diariamente pela obra nem se incomodam mais com a o ato de descaso com o dinheiro público, questão já se tornou comum, pelo tempo que foi colocada a disposição da comunidade, a rota temporária criada na avenida Campos Sales já tornou-se definitiva.
 
No ultimo dia 3 de maio de 2010, o gerente do contrato da construtora Camter, Márcio Nardelli responsável pela construção do viaduto da Campos Sales confirmou em nota enviada pela assessoria que a obra estaria concluída em outubro de 2010. Infelizmente, qualquer pessoa que for ao local da obra pode constatar que esse viaduto não será colocado a sociedade rondoniense no mês de outubro, na há condições.
 
Enquanto isso cabe ao cidadão de Porto Velho continuar a sofrer com os congestionamentos, poeira e descaso com as verbas públicas.

CLIQUE NAS IMAGENS ABAIXO PARA AMPLIAR.


Fonte: Rondoniaovivo - Texto e Vídeo: João Paulo Prudêncio/Fotos: Luiz Junior

Tag's: Rondoniaovivo, Rondônia, Notícias, Capital, Obra Viaduto, Porto Velho, Abandono

GOSTOU DA MATÉRIA, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS E FAMILIARES:

69 99353-3037




PUBLICIDADE





Polícia | 15:14
Temporal derruba muro do Denarc na capital

Política | 15:16
Advinha quem vai pagar a conta das campanhas eleitorais?

São Felipe D' Oeste | 15:08
Deputado Edson Martins garante recursos para agricultura

Política | 15:02
Câmara aprova pedido do vereador Edesio para solicitar documentos oficiais

Política | 15:03
Léo Moraes chama fundo partidário de aberração

Cacoal | 14:59
Maurão de Carvalho indica melhorias para a educação e social

Econômia | 14:54
Previsão de salário mínimo em 2018 cai para R$ 969

Política | 14:39
Parlamentar destaca Encontro Estadual dos Conselhos Tutelares e de Direito

Política | 14:34
Deputado critica atuação de gestor e técnicos da Sejucel

Brasil | 14:37
Ex-executivo que vive em aeroporto consegue emprego: 'obrigado a todos'

Brasil | 14:30
INSS: 7 dicas para não ter o pedido de aposentadoria recusado

Capital | 14:27
MEGA TEMPLO: Universal compra prédio onde funciona Semusa

Rondônia | 14:02
SIPAM informa a previsão do tempo para esta quinta-feira

Ciência e Saúde | 11:37
Fhemeron acolhe mais de 100 hemofílicos

Comércio e Indústria | 11:31
Fiero apresenta desafios regionais e ações de fomento ao desenvolvimento

Rolim de Moura | 11:24
Menor é apreendido pela PM, após arrombamento e tentativa de furto

Justiça | 11:18
Casal satanista que roubava e estuprava vítimas recebe nova condenação

Cultura | 11:21
LENHA NA FOGUEIRA: Dragagem do Rio Madeira

Brasil | 11:13
CAOS: Universidades federais só têm recursos para manutenção até setembro

Comércio e Indústria | 11:08
Assados na Brasa do Gordurinha agora em novo endereço

Polícia | 10:59
DUPLO LATROCÍNIO: Casal de idosos é morto a tiros em residência na zona rural

Rondônia | 10:51
OPORTUNIDADE: TCE abre inscrição para cargos comissionados na área de TI

Econômia | 10:45
PIS: Começa pagamento para os nascidos em agosto