ESCÂNDALO - Vídeo de sexo entre adolescentes e adultos cai na rede; polícia investiga - Rondoniaovivo.com - NOVO TELEFONE: (69) 3229-8673 A Polícia Civil mineira instaurou inquérito para investigar o caso de um vídeo no qual uma garota de 15 anos aparece praticando sexo com dois adolescentes (de 16 e 17 anos) e dois homens maiores de idade (18 e 21 anos) .

Anterior

28/09/2012

Anterior

Próxima

28/09/2012

Próxima

Rondônia ,

ESCÂNDALO - Vídeo de sexo entre adolescentes e adultos cai na rede; polícia investiga

Sexta-Feira, 28 de Setembro de 2012 / 11:48

A Polícia Civil mineira instaurou inquérito para investigar o caso de um vídeo no qual uma garota de 15 anos aparece praticando sexo com dois adolescentes (de 16 e 17 anos) e dois homens maiores de idade (18 e 21 anos) . O vídeo foi postado na última quarta-feira (26) em uma página de relacionamento de uma escola na cidade de Santa Luzia (região metropolitana de Belo Horizonte).
Para Bianca Landau, delegada responsável pelo caso, a jovem teria relatado que mantinha na escola um relacionamento com um rapaz de 18 anos, sendo convidada por ele para ir a sua casa, em agosto desse ano.
No local, de acordo com a adolescente, ela teria ingerido uma bebida e, em seguida, perdido a consciência e não se lembrava de mais nada. As cenas de sexo, com duração aproximada de cinco minutos, foram gravadas com a câmera de um celular.
A assessoria da Polícia Civil mineira informou que a garota e a mãe dela procuraram a Delegacia de Proteção à Mulher, nesta quinta-feira (27), depois de a adolescente ter sido alertada por um colega sobre a existência das imagens na internet. O material foi retirado da página de relacionamento.
A polícia vai investigar se houve o crime de estupro de vulnerável e de aliciamento de menores. A investigação também pretende evidenciar se a menor teria sido dopada pelo quarteto e quem teria sido o responsável pela divulgação das imagens.
Os envolvidos já foram identificados e deverão ser ouvidos nos próximos dias. A adolescente, segundo a assessoria de imprensa da corporação, foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte para exames.

Fonte: uol.com

0 Comentários Comentar Notícia

Últimas Notícias

Veja Mais

Publicidades