Estado pode ficar sem combustíveis nos próximos dias por protesto de caminhoneiros - Rondoniaovivo.com - NOVO TELEFONE: (69) 3229-8673 Estado pode ficar sem combustíveis nos próximos dias

Anterior

MP ajuíza ação ambiental para sanar irregularidades de lotea

06/08/2013

Anterior

Próxima

Vereador percorre bairro Mariana e ouve reclamações

06/08/2013

Próxima
Página Inicial
Rondônia ,
Twitter Rondoniaovivo.com YouTube Rondoniaovivo.com Facebook Rondoniaovivo.com Rss Rondoniaovivo.com

Estado pode ficar sem combustíveis nos próximos dias por protesto de caminhoneiros

Terça-Feira, 06 de Agosto de 2013 / 17:14

A qualquer momento poderá ser iniciada uma paralisação no transporte de combustíveis que afetará todo Estado. A decisão foi tomada em assembléia geral extraordinária realizada com os motoristas das empresas de transportes de derivados de petróleo, segmento de carga perigosa, no último sábado (02), às 09:00, na sede do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Rodoviário (SINTTRAR), para debater sobre o monopólio no novo contrato da Petrobrás, que teria sido vencido pela empresa Cairu, que tem uma fábrica de bicicletas em Pimenta Bueno. A decisão da nova empresa, com o aval da Petrobrás é de excluir as demais empresas pequenas e autônomos que atualmente prestam serviços de transporte de combustíveis, com isso dezenas de trabalhadores e donos de caminhões tanques ficarão sem serviço.
Diante do desesperos desses trabalhadores, o presidente do SINTTRAR informou que irá solicitar uma posição da Petrobrás em relação à reivindicação da categoria, sendo que o Sindicato fará todos os esforços para evitar que a paralisação seja necessária; entretanto, se houver intransigência por parte da Petrobrás, uma paralisação por tempo indeterminado será inevitável, pois os motoristas dos caminhões tanques não aceitam de forma alguma serem abandonados à própria depois de anos de serviços prestados à Petrobrás.
No sistema de contratação anterior, que está vencendo, há muito tempo algumas empresas faziam o serviço de transporte para a Petrobrás, essas empresas contratam há mais de duas décadas os “agregados”. Estes agregados são quem transportam de fato para todos os endereços mais distantes no Estado e fora do Estado. Estes trabalhadores fichados e motoristas/donos de caminhão tanque fazem esse serviço desde a época que não havia estradas asfaltados. Agora essa outra empresa ganhou a última licitação praticando um preço muito abaixo do valor de mercado que as demais empresas praticavam. Da Silva questiona que "os preços já estavam defasados, essa empresa não tem caminhão para que se faça o transporte e ganha a licitação com um preço de 40% mais baixo?".
Vários trabalhadores manifestaram suas angústias e preocupações, como o motorista Edmilson, conhecido por 'Jacaré', que desabafou: "eles agora querem simplesmente descartar a gente, após mais de 20 anos nas estradas". O sindicato tem preocupação com estes pais de família que provavelmente irão ficar sem os seus postos de trabalho uma vez que, com a mudança de contrato, as empresas que tinham os “agregados” e fichados não irão mais contratar estes caminhões tanques. Os trabalhadores explanaram suas dificuldades e depois de muito debate ficou acordado com a Petrobrás, que enviará um representante do Rio de Janeiro, o início de um processo de negociação. Os trabalhadores querem que o processo licitatório, que desemprega toda uma categoria, seja revisto. Caso contrário uma paralisação nos próximos dias será inevitável.

Fonte: Ascom CUT

0 Comentários

Comentar Notícia

Últimas Notícias

14:47

Policia prende homicida confesso de assassinato

12:49

Motociclista fica ferido ao se chocar violentamente com carro

12:33

PM captura jacaré em área urbana de município

12:15

PM reforça policiamento no Espaço Alternativo

11:55

Trio é preso acusado de tráfico e furtos de veículos

11:35

Quadrilha furta várias mercadorias em agência dos Correios na capital

11:19

Homem é preso por participar de assalto no local de trabalho

11:02

PM recupera motocicleta roubada e fecha boca de fumo

10:50

Sid Orleans pede providências ao secretário para resolver situação dos Ceos

10:45

Homem é preso após aterrorizar população com pistola de pressão

10:40

Menor causa acidente e carro fica de rodas para cima

10:01

Nota de Pesar pelo falecimento do 1° Sgt PM RR Anailson Gatti

09:45

Sargento da PM é morto a tiros em frente de sua residência

28/02/2015
11:47

Mãe encontra filha desaparecida há quatro dias

28/02/2015
11:29

Cleiton Roque intervirá para término das obras de hospital

28/02/2015
11:09

Cinco pessoas ficam feridas em capotamento próximo ao Aeroporto

28/02/2015
11:05

Comissão representativa de taxistas da capital se reúne com o Prefeito de Porto Velho

28/02/2015
10:56

Lúcio Mosquini reivindica recursos para Expresso Porto e recuperação de BR no Cone Sul

28/02/2015
10:50

Meia-entrada para o show do Valério Cazuza está esgotada

28/02/2015
10:36

Homem é brutalmente assassinado e desovado aos fundos do Parque Circuito

28/02/2015
10:32

Jesuíno Boabaid inspeciona Delegacia de Jogos e Diversões

Veja Mais

Publicidades