MACHADINHO - Polícia Civil desvenda assassinato brutal na zona rural - Rondoniaovivo.com - NOVO TELEFONE: (69) 3229-8673 MACHADINHO - Polícia Civil desvenda assassinato brutal na zona rural

Anterior

20/09/2011

Anterior

Próxima

20/09/2011

Próxima

Rondônia ,

MACHADINHO - Polícia Civil desvenda assassinato brutal na zona rural

Terça-Feira, 20 de Setembro de 2011 / 15:21

A Polícia Civil de Machadinho D’Oeste desvendou nesta segunda-feira (19/09), um assassinato brutal acontecido no último sábado, na zona rural do municipio.
De acordo com o Bop nº 4715.11.000.757 da PM/Machadinho D’Oeste, havia um suposto homicídio na esquina da linha TB 11 com a TB 10, fato este constatado. No local, a PM observou a vítima A. N. de Brito caído ao lado de sua motocicleta já sem vida. A vítima fora atingida por um tiro de espingarda calibre 12 no lado esquerdo da cabeça. Tiro este que deformou todo o seu rosto. A PM juntamente com a Polícia Civil isolou o local até a chegada da perícia. Após a perícia, o corpo foi liberado para a funerária, que o conduziu até o hospital municipal. A motocicleta YBR e os documentos pessoais da vítima foram entregues à senhora G. A. de Brito, filha da vítima, que é residente em Cujubim.
As investigações e a prisão:
Após a perícia no sábado, as investigações iniciaram-se e nesta segunda-feira (19), os policiais chegaram até o suspeito V.L.F, vulgo Dinei, 31 anos, morador da localidade onde ocorreu o fato. Decretada a prisão preventiva do mesmo, este foi encaminhado a DPC/Machadinho, onde confessou o homicídio.
Dinei, afirmou que há algum tempo vinha tendo problemas com vítima (rixa de terras) e que neste sábado ambos estavam em um bar nas proximidades, quando então tomou a decisão de matá-lo. “Dinei” foi até sua casa onde pegou uma espingarda calibre 12. Ao voltar, constatou que a vítima não se encontrava mais no bar. Saiu, vindo a se encontrarem na estrada. De acordo com ele, a vítima estava sendo conduzida por outra pessoa, pois o mesmo estava muito embriagado. Ao se deparar com eles Dinei mandou que parasse a motocicleta. Ao parar, a vítima caiu devido ao estado de embriaguez que se encontrava, momento em que o homicida, encostou o cano da arma no lado esquerdo de seu rosto efetuando o disparo, esfacelando-o totalmente.

Fonte: Everaldo Pimentel/Dione de Jesus

0 Comentários Comentar Notícia

Últimas Notícias

Veja Mais

Publicidades