close

ATAQUE TERRORISTA: Justiça decreta prisão de trio acusado de incendiar ônibus a mando de presidiários

Um trabalho conjunto das forças policiais resultou na identificação dos criminosos

RONDONIAOVIVO

13 de Outubro de 2019 às 06:56

ATAQUE TERRORISTA: Justiça decreta prisão de trio acusado de incendiar ônibus a mando de presidiários

FOTO: (Divulgação)

Um trabalho em conjunto entre a Polícia Civil, através da Delegacia de Patrimônio, 1° DP, Polícia Militar e Secretaria de Justiça (Sejus) culminou na identificação do trio acusado de incendiar um ônibus coletivo na noite da última quarta-feira (09) nas proximidades da ponte do rio Madeira, em Porto Velho (RO). 

 

A pedido da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Patrimônio, a Justiça concedeu na noite deste sábado (12) mandados de prisão preventiva contra Vitor F. O., Wiliam Gabriel S. A. e Carlos Gabriel O., todos com passagens na polícia e membros de uma determinada facção criminosa.

 

Segundo a polícia, eles são os três que aparecem em um vídeo divulgado nas redes sociais minutos após o ataque ao coletivo. O trio, na ocasião deixou uma carta para ser entregue as autoridades a mando de apenados dos presídios Jorge Thiago Afonso - 603 e Milton Soares de Carvalho - o 470.

 

No bilhete, os presidiários pedem o fim da opressão e fazem ameaças de novos ataques caso o pedido não seja atendido.

 

Na sexta-feira (11) um caminhão da Empresa de Desenvolvimento Urbano (Emdur) da prefeitura foi incendiado no condomínio Orgulho do Madeira, mas segundo as investigações, os autores do crime não seriam os mesmo do ataque ao ônibus.

 

Todavia, tudo indica que os bandidos fazem parte da mesma organização criminosa, que é conhecida nacionalmente.

 

Com indícios fortes do envolvimento do trio, a delegacia de Patrimônio solicitou os mandados de prisão, que foi prontamente deferido pelo Juiz de plantão.

 

Os três estão sendo procurados pelas polícias da capital e quem souber de informações sobre o paradeiro deles pode denunciar no número 197 da Polícia Civil.

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS