close

GOLPES DE FACÃO: Família procura por corpo de garimpeiro morto e jogado no rio Madeira

Wagner era morador de Porto Velho (RO), casado e deixou um filho de cinco meses de vida

RONDONIAOVIVO

19 de Novembro de 2019 às 16:04

GOLPES DE FACÃO: Família procura por corpo de garimpeiro morto e jogado no rio Madeira

FOTO: (Divulgação)

Familiares desesperados estão a procura do corpo do garimpeiro Wagner Pimenta Oliveira, 25, que foi morto a golpes de facão na noite do último sábado (16) e jogado no rio Madeira. O assassinato brutal aconteceu na região da localidade conhecida como Paraná do Moura, no município de Humaitá (AM). Wagner era morador de Porto Velho (RO), casado e deixou um filho de cinco meses de vida.

 

O Rondoniaovivo apurou através do boletim de ocorrência, registrado como homicídio consumado doloso, que Wagner teria sido brutalmente assassinado com golpes de facão na cabeça após uma desavença com o autor do crime, um outro garimpeiro identificado apenas como Adelson.

 

Após desferir os golpes na cabeça da vítima, Edelson jogou o corpo no rio Madeira e fugiu em uma voadeira, disse uma testemunha. Familiares afirmam que ficaram sabendo do crime na noite de domingo (17) e ontem foram para local fazer buscas pelo cadáver, haja vista que até o momento nenhuma equipe do Corpo de Bombeiros esteve presente. 

 

A foto do suspeito do crime está sendo divulgada para quem souber de informações sobre o paradeiro dele denunciar através do número 197 da Polícia Civil.

*Aos leitores, ler com atenção*

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS