MATUTOS DO SOCIALISTA: Com 80 brincantes, agremiação leva reino das cores para arena do Flor do Maracujá

"Durante esses 30 anos, vibramos, choramos e sorrimos", afirma presidente Paulo César Pereira, conhecido como Nenzão

MATUTOS DO SOCIALISTA: Com 80 brincantes, agremiação leva reino das cores para arena do Flor do Maracujá

Foto: Divulgação

Conhecida como Arrasta Pé de Lázaro, a agremiação Matutos do Socialista, criada em 1993 por um grupo de coroinhas da Igreja São Lázaro, no Bairro Socialista, em Porto Velho, ensaia com afinco para participar da competição no arraial Flor do Maracujá, que acontece de 21 a 30 deste mês no Parque dos Tanques, na Avenida Lauro Sodré.

 

Este ano, a Matutos do Socialista concorrerá ao título com o tema “No reino das cores, diga a sua cor nesse arraiá!”. São 80 brincantes, 20 pessoas na diretoria, e 8 na coordenação.

 

 

Os ensaios acontecem de segunda a sexta-feira, às 23h, na quadra da EMEIEF Francisco Elenilson Negreiros, localizada na zona Leste de Porto Velho. Embora ainda não possua títulos no Arraial Flor do Maracujá, a agremiação se mantém entre as principais do grupo especial.

 

Vibração e choro

 

O presidente da Matutos do Socialista, Paulo César Pereira, conhecido como Nenzão, destacou o sentimento que tem em fazer parte do grupo. “Durante esses 30 anos, vibramos, choramos e sorrimos. Me sinto emocionado em ter a população da zona Leste como apoiadora. Posso dizer que deixar a vida para viver de cultura não é fácil, me sinto emocionado.”

 

 

Bruno Duarte, que está entre os integrantes da quadrilha, e está na agremiação há sete anos, frisou o intuito do grupo em apresentar um grande show. “Quem conhece nossa história e trajetória sabe das dificuldades. Estamos empenhados no nosso trabalho e fazer o melhor pela agremiação .”

 

Após 10 anos de criação, a quadrilha adotou o nome Matutos do Socialista, para representar o bairro nas apresentações.


Incentivo à cultura

 

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, o tradicional Arraial do Flor do Maracujá é uma celebração da cultura e tradição do estado. “É satisfatório ver grupos como os Matutos do Socialista brilharem e preservarem nossas raízes. Neste sentido, entendemos que o governo trabalha na promoção de incentivos junto aos investimentos, para atender as demandas, no contexto cultural, e assim, podermos resgatar a história da nossa região”, salientou.

 

O titular da Secretaria de Estado da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), Júnior Lopes, evidenciou quanto às expectativas entorno das agremiações. “Estamos empenhados em proporcionar uma festa inesquecível para a população de Rondônia. A participação de agremiações como a Matutos do Socialista, enriquece o festival e mantém viva a cultura local”, pontuou.
 

Com informações da Secom/GOV.

Direito ao esquecimento
Como você avalia a gestão do prefeito Armando em Seringueiras?
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ouro Preto do Oeste tem sua preferência?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS