LINGERIE: Juíza é suspensa por aparecer seminua e fumando durante audiência

Vivian é conhecida por compartilhar fotos apenas de lingerie no perfil dela no Instagram, onde reúne 300 mil seguidores

LINGERIE: Juíza é suspensa por aparecer seminua e fumando durante audiência

Foto: Divulgação

 

Uma juíza colombiana foi suspensa por três meses após aparecer deitada, de camiseta e calcinha, e fumando em uma audiência virtual. A decisão é da Comissão Judicial Disciplinar do Norte de Santander, que entendeu que a magistrada, Vivian Polania, violou vários regulamentos administrativos.

 

A audiência em que o incidente ocorreu foi realizada na semana passada e discutia um atentado feito dentro de uma brigada do exército colombiano em Cúcuta, em junho de 2021. Enquanto testemunhas e advogados falavam, a câmera da juíza estava desligada.
 
 
De acordo com a imprensa colombiana, que teve acesso à decisão da corte, a juíza ligou a câmera após uma hora do início da reunião, “revelando que estava deitada na cama em um estado deplorável, parecendo desgrenhada com olhos sonolentos e falando arrastado"
 
 
Um advogado alertou a juíza, que imediatamente desligou a câmera. A filmagem, no entanto, foi vazada nas redes sociais e viabilizou, o que causou a investigação da Justiça da Colômbia.
 
 
“Tal situação não condiz com o cuidado, respeito e circunspecção com que um juiz da república deve administrar a justiça, denotando uma clara falta de respeito por parte do funcionário”, escreveu os magistrados que compõem a Comissão.
 
 
Em entrevista à Blu Radio, da Colombia, Vivian negou que estava seminua e disse estar deitada por ter sofrido um ataque de ansiedade e a pressão ter baixado. A magistrada afirmou que estava “extremamente sobrecarregada”, o que lhe causou prejuízo na saúde mental. Ela também disse que vive uma rotina de intimidação pelos colegas pela maneira como se veste.
 
 
As vestimentas de Vivian, aliás, rendeu à juíza uma séries de ações disciplinares antes da audiência virtual. Na época, a magistrada se defendeu ao dizer que Cúcuta, a cidade em que se mudou para exercer o cargo de juíza "tem um calor escaldante” e por isso aderiu a shorts e camisetas. Ela ainda afirmou que chegou a mudar o estilo de roupa para vestidos longos, mas foi obrigada a usar uma túnica judicial por estar “muito sexy”.
 
 
Outro ponto que causou repressões foi o comportamento on-line da juíza. De acordo com a imprensa colombiana, Vivian é conhecida por compartilhar fotos apenas de lingerie no perfil dela no Instagram, onde reunia 300 mil seguidores — a conta chegou a ser suspensa temporariamente, mas está reativada. 
 
 
“Cansei de agradar as pessoas em vez da minha paz de espírito”, disse em entrevista à Blu Radio. Ela ainda afirmou que não mudará a sua personalidade para agradar outras pessoas.
 
 
Direito ao esquecimento

Em quem você votaria para prefeito(a) da capital de Rondônia?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

CONVOCAÇÃO: ASPRECAM

Loteamento Jardim Royal

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS