BOI TEIMOSO: A agremiação leva cultura e belezas da Amazônia para Flor do Maracujá

40ª edição do Arraial Flor do Maracujá, que vai acontecer entre os dias 21 e 30 de junho, no Parque dos Tanques

BOI TEIMOSO: A agremiação leva cultura e belezas da Amazônia para Flor do Maracujá

Foto: Divulgação

Com uma equipe formada por 100 integrantes, a Associação Folclórica Cultural Boi-Bumbá Teimoso, de Candeias do Jamari, promete encantar o público com um espetáculo vibrante e repleto de tradição na 40ª edição do Arraial Flor do Maracujá, que vai acontecer entre os dias 21 e 30 de junho, no Parque dos Tanques, em Porto Velho. A apresentação do grupo está prevista para o dia 25 de junho, às 21h35.

 

Organizado pelo governo do estado, o Arraial Flor do Maracujá contará com a participação de 32 grupos folclóricos compostos por quadrilhas juninas e bois-bumbás, como o Boi Teimoso.

 

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, o Arraial Flor do Maracujá é mais do que apenas uma competição, “é uma celebração da cultura e da tradição, e os grupos estão preparados para honrar esse espírito festivo com suas performances, ressaltou.

 

Superação e dedicação

 


O grupo de Candeias do Jamari, Boi Teimoso, foi fundado em 21 de maio de 2017, por ex-integrantes de outro grupo de boi-bumbá que não está mais ativo. Em seu ano de estreia no Arraial Flor do Maracujá, em 2017, já mostraram a que vieram. No ano seguinte, competiram e alcançaram o 5º lugar pelos jurados, mas devido a questões técnicas, acabaram na 8ª posição pela comissão de ética. A trajetória foi interrompida em 2019, por problemas de saúde de Dineuza Miranda Leão, presidente da agremiação, e em 2020, 2021 e 2022, pela pandemia. Em 2023, o grupo retornou com força total e agora, em 2024, estão prontos para competir no grupo especial.


Boi Teimoso traz este ano o tema “Amazônia: O Coração da Terra”

 

Cores e cultura


Este ano, o grupo traz o tema “Amazônia: O Coração da Terra”. As cores verde e vermelho, que representam o grupo, estarão presentes em cada traje e adereço, simbolizando a conexão com a natureza e vitalidade da Amazônia. A apresentação promete ser um verdadeiro mergulho na cultura e beleza da região.

 

Os ensaios do grupo ocorrem de segunda a sábado, das 16h às 18h, na sede do Boi Teimoso, localizada na Rua Rio Branco, nº 711, Bairro Novo Horizonte, em Candeias do Jamari.

 

Para presidente do Boi Teimoso, Dineuza Miranda Leão, as expectativas para o Arraial Flor do Maracujá são altas. Com um tema tão relevante e uma preparação cuidadosa, com a dedicação do grupo evidente em cada detalhe, o grupo de Candeias do Jamari se sente pronto para deixar sua marca e conquistar os corações dos espectadores. “Todos integrantes são considerados peças fundamentais, se falta um, perdemos pontos. Portanto, todos são essenciais, e queremos fazer uma belíssima apresentação para o público”, afirmou.

 

O titular da Secretaria de Estado da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), Júnior Lopes destacou a importância do Arraial Flor do Maracujá para valorização da cultura e tradições locais. “Estamos empenhados em fortalecer e promover a celebração, que enriquece a comunidade e atrai visitantes para Porto Velho, convidamos toda população para participar desta festa,” salientou.
 

Direito ao esquecimento
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ji-Paraná tem sua preferência?
Como você avalia a gestão do prefeito Cornelio em São Miguel do Guaporé?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS