RESÍDUOS SÓLIDOS: Prefeitura instala Ecopontos em lugares estratégicos para incentivar descarte

Apenas materiais recicláveis devem ser descartados nesses recipientes

RESÍDUOS SÓLIDOS: Prefeitura instala Ecopontos em lugares estratégicos para incentivar descarte

Foto: assessoria

Com objetivo de promover a educação ambiental, incentivar o descarte correto dos resíduos sólidos e transformar Porto Velho em uma cidade mais sustentável e preparada para as próximas gerações, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saneamento e Serviços Básicos (Semusb), instalou Ecopontos em vários setores da capital de Rondônia.
 
“Destacamos a importância de sermos todos responsáveis pelos Ecopontos no sentido de zelo e uso adequado, depositando ali apenas materiais recicláveis e contribuindo com a conscientização da necessidade do cuidado e o uso adequado desse local”, declarou o secretário Cleberson Pacheco, que é o titular da (Semusb), órgão responsável pela limpeza da cidade.
 
A determinação do prefeito Hildon Chaves é para que Porto Velho cumpra o que estabelece o Plano Municipal de Saneamento Básico, conforme determina a Lei nº 12.305 de 2010, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS).
 
Os Ecopontos são grandes recipientes instalados em pontos estratégicos para que o público possa descartar ali materiais recicláveis (lixo seco) de forma voluntária, conforme especificado em cada compartimento (plástico, vidro, papelão, alumínio, entre outros). Esse material é coletado pela Semusb e enviado para a cooperativa de catadores da Vila Princesa.
 
“Desta forma, geramos mais dignidade para as famílias de catadores, que passam a receber o material já separado”, comentou o secretário Ítalo Rodrigues, adjunto da Semusb.
 
Ao todo, existem dez Ecopontos espalhados pela cidade. Em apenas três meses, desde a instalação do primeiro equipamento em fevereiro de 2024 até abril, um total de 4.850 quilos de resíduos possivelmente recicláveis foram coletados.
 
Os resíduos descartados ali são levados para o galpão de triagem da Prefeitura, onde uma equipe da Cooperativa Catanorte realiza o manejo e aproveitamento, o que resulta em fonte de renda para os cooperados que trabalhavam no antigo lixão.
 
PILOTO
 
Na perspectiva de ampliar ainda mais essa política pública, a Prefeitura implantou um projeto-piloto da Coleta Seletiva Solidária e Educação Ambiental nos condomínios Riviera e Veredas do Madeira, localizados na Estrada Santo Antônio.
 
“A expectativa é alcançar gradativamente todos os condomínios privados no município, para que seja realizada a diminuição e reutilização dos resíduos, por meio da coleta seletiva e destinação final adequada, encaminhando o material coletado para as cooperativas e associações”, comentou Cleberson Pacheco.
 
Ele também disse que além dos condomínios privados, dez Ecopontos foram instalados pela Semusb em pontos estratégicos, que servirão como Ponto de Entrega Voluntário (PEVs). Os resíduos depositados ali também serão destinados aos catadores de recicláveis.
 
PARTICIPAÇÃO
 
“É importante ressaltar a necessidade da participação de toda a sociedade, vez que depende da colaboração de todos para que o material reciclável chegue até o Ecoponto, principalmente em boas condições de higiene, pois devem estar limpos e não podem ser misturados com os rejeitos, ou seja, não podem ser misturados os materiais recicláveis com o lixo comum e depositados no Ecoponto”, enfatizou o titular da Semusb
 
Ressaltou ainda que a população pode contribuir fazendo a separação em casa de lixo úmido (orgânicos, que são restos de comidas, por exemplo) do lixo seco (plásticos, metais e outros materiais recicláveis).
 
ECOPONTOS:
 
-Escola Municipal de Ensino Infantil Professora Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na rua João Paulo I, bairro Novo Horizonte;
- Praça do Cohab, na rua Carqueja, 2716, bairro Cohab;
- Centro de Arte e Cultura Escolar Francisco Lázaro dos Santos (Laio), na rua Pau Ferro com rua Anari, bairro Castanheira;
- Unidade de Saúde da Família (USF) Aponiã, na rua Andréia, nº 5383, bairro Aponiã;
- Parque da Cidade, na avenida Calama, bairro Flodoaldo Pontes Pinto;
- Paróquia de São José Operário, na avenida Campos Sales, nº 4777, Bairro Eletronorte;
- Skate Parque, na avenida Guaporé, bairro Cuniã;
- Praça do Conjunto Santo Antônio, na rua Padre Chiquinho;
- Faculdade Católica, na Av. Governador Jorge Teixeira, nº 4100, bairro Industrial;
- Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Meio Ambiente, na avenida José Amador dos Reis, nº 3214, bairro Juscelino Kubitschek (JK).
Direito ao esquecimento
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ji-Paraná tem sua preferência?
Como você avalia a gestão do prefeito Cornelio em São Miguel do Guaporé?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS