BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

Energisa monta sistema próprio de telecomunicações

Investimento de R$ 1,5 milhão faz parte da transformação digital da concessionária e conta com 20 antenas distribuídas pelo estado para garantir contato com as equipes

ASSESSORIA

28 de Julho de 2020 às 15:58

Atualizada em : 04 de Agosto de 2020 às 08:19

Foto: Divulgação

Depois de investir em um Centro de Operações Integrado, capaz de enxergar toda a rede de distribuição de energia no estado e até realizar procedimentos de forma remota, a Energisa entrega agora para a população uma nova ferramenta digital para melhorar o fornecimento de energia em Rondônia. Com um investimento de cerca de R$ 1,5 milhão, a empresa instalou um sistema de comunicação via rádio, que conta com mais de vinte antenas repetidoras em todo estado. Com isso, consegue melhorar a comunicação com as equipes e agilizar o acionamento imediato para ordens de serviço emergenciais. 
 
“Rondônia é o 13º maior estado do país e nem todas as regiões têm cobertura de telefonia eficiente. Investir nessa rede de telecomunicações é essencial para garantir a qualidade e agilidade de nossos serviços”, afirma o presidente da distribuidora, André Theobald. 
 
Com a nova rede, todos os veículos da empresa estarão conectados com o Centro de Operações por meio de um sistema de comunicação por rádio. As equipes falam e passam detalhes das localidades para os operadores, que também conseguem informar a localização correta de eventuais problemas na rede para os técnicos em campo. Tudo isso reduz o tempo de resposta dos atendimentos aos clientes. 
 
A coordenadora de automação e telecomunicações da empresa, Rosana Pereira, conta que, quando a Energisa assumiu a concessão, o sistema existente era limitado a poucas áreas de cobertura, além de tecnicamente obsoleto. “Mapeamos a necessidade de modernizar o sistema e integrar as equipes. Com isso, o cliente é beneficiado com redução do tempo de atendimento para o despacho de serviços, especialmente, os emergenciais”, destacou. 
 
As vinte antenas repetidoras com sinal digital estão sendo distribuídas entre os municípios de Porto Velho, Cacoal, Ji-Paraná, Pimenta Bueno, Vilhena, Colorado, Santa Luzia, Guajará-Mirim, Cerejeiras, Rolim de Moura, Jaru, Nova Mutum, Itapuã D’Oeste, Alta Floresta, Ariquemes, Monte Negro, Costa Marques, Nova Mamoré, Buritis, Espigão D’Oeste. Como o sinal emitido alcança, em média, 35 Km² por repetidora, ele abrange os municípios do entorno. “Estamos na fase final de implantação das antenas. A maior parte já está em funcionamento”, frisou. 
Direito ao esquecimento

MAIS DESTAQUES EMPRESARIAIS