ABSURDO: Marido e mulher morrem em intervalo de 20 minutos e têm casa saqueada

Residência e oficina do casal morto por COVID-19 foram arrombadas depois do sepultamento

ABSURDO: Marido e mulher morrem em intervalo de 20 minutos e têm casa saqueada

Foto: Divulgação

 

Um casal morreu de COVID-19, com um intervalo de 20 minutos entre eles, e a família ainda teve que lidar com furtos no imóvel onde eles moravam, em Cajazeiras, no interior da Paraíba. Os corpos de José Carlos de Abreu Cartaxo, 36, e Lívia Gonçalves de Abreu, 35, foram sepultados nesta terça-feira (23/2), o que causou grande comoção na cidade. No dia seguinte, familiares encontraram o local arrombado.

 

Segundo a Polícia Civil, foram levados equipamentos de som e automotivos, além de televisores. Até mesmo as câmeras de segurança foram levadas. O espaço também foi depredado.
 
 
O casal de empresários deixou duas filhas adolescentes. Eles morreram na segunda-feira (22/2), depois de mais de uma semana internados no Hospital Regional de Cajazeiras, com uma diferença de apenas 20 minutos entre os óbitos. 
 
O irmão de Carlos, Cristiano Abreu, compartilhou um vídeo nas redes sociais em que mostra como ficou o local. Ele explica que tudo que foi levado pertence às filhas do casal. “Hoje fomos na casa deles e nos deparamos com a situação lá, levaram o paredão de som. Além dele ter perdido a vida dele, perdeu o que deixou para as filhas dele. Era o único bem que deixaram para as filhas. Ele trabalhou muito para isso”, lamentou.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS