BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

ESTADUAL PARALISADO: 'Queremos realizar o sonho desses garotos', diz dirigente do Real Ariquemes

Clube aguarda liberação para retorno aos campos do Campeonato Rondoniense

FUTEBOL DO NORTE

09 de Julho de 2020 às 15:06

Atualizada em : 09 de Julho de 2020 às 15:12

Foto: Divulgação

FUTEBOL DO NORTE - O diretor social do Real Ariquemes, João Brustolon, aguarda a liberação dos órgãos de saúde para a retomada dos trabalhos de base do clube visando o restante da temporada 2020.

 

"Estamos aguardando as liberações para a gente começar a trabalhar. Aqui internamente a gente continua se organizando e estruturando. Hoje o Real Ariquemes tem nove campos para a gente treinar, todos gramados todos com estrutura suficiente para profissional, feminino e base. E a gente mantém o alojamento também", destacou.

 

De acordo com o dirigente, o Real Ariquemes optou por liberar os membros da comissão técnica e também jogadores para que os mesmos pudessem se cuidar durante esse período de pandemia. "A gente tem parte da comissão. Como foi dispensado muita gente, alguns optaram por ir para casa nesse período, alguns são aqui da cidade e a gente mantém. Por mais que a gente queira voltar logo, a gente tem que esperar e ter paciência", acrescentou.

 

O Real Ariquemes chegou a selecionar alguns jogadores em uma seletiva realizada no mês de março, porém ainda estuda uma nova maneira de buscar novos talentos para o clube. "Os atletas das categorias de base que tiverem o interesse de vir para o Real Ariquemes podem nos procurar, a gente fez uma seletiva dois dias antes de fechar por conta da pandemia. Estamos mantendo contato com alguns garotos, a gente tem alguns jogadores que já eram do Real Ariquemes nos outros anos. Mesmo assim a gente está aberto para receber esses materiais e avaliar. O projeto é muito bom para categoria de base e o máximo que a gente puder aproveitar dos atletas a gente quer", frisou.

 

Para João Brustolon, a grande procura pelo Real Ariquemes gera uma satisfação junto a diretoria. "Isso é muito bom, é um reconhecimento, é um sinal de que eles estão depositando confiança no nosso trabalho. A gente só quer fazer o bem a todos. O que a gente quer mesmo é realizar o sonho desses garotos, tem muitos garotos que sonham em ser jogador de futebol. A gente tem que respeitar cada um, dar condições de trabalho, cobrar condições de trabalho porque tem muitos que vem pensando que vai simplesmente passar uma temporada, mas aqui é trabalho mesmo. A ideia é sempre essa de alavancar a categoria de base e dar oportunidade a quem é da cidade de Ariquemes e também do Estado", encerrou.

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS