SOLIDARIEDADE: Nota Legal Rondoniense destina R$ 750 mil às entidades sociais cadastradas

Os consumidores podem escolher a entidade social que irá receber a doação da nota fiscal cadastrada no aplicativo

SOLIDARIEDADE: Nota Legal Rondoniense destina R$ 750 mil às entidades sociais cadastradas

Foto: Assessoria

O Nota Legal Rondoniense atingiu o valor de R$ 750 mil, doados para diversas instituições sociais, cadastradas no programa, e a estimativa é que esse valor aumente para um total de R$ 1 milhão até janeiro de 2024, referente ao último trimestre de 2023. Esse feito é um reflexo da ação do Governo de Rondônia em promover a conscientização fiscal, mediante o incentivo para as entidades que desempenham um papel relevante à sociedade.
 
Desde a sua retomada em julho de 2021, o programa vem direcionando parte dos recursos arrecadados para entidades sociais, colaborando para a melhoria da condições de vida das pessoas em situação de vulnerabilidade no Estado. O repasse de R$ 750 mil feito até o momento, demonstrando o sucesso do programa em canalizar os benefícios para além dos prêmios distribuídos aos consumidores.
 
O coordenador do Programa Nota Legal Rondoniense, Nicandro Campos destacou a importância desse feito. “Estamos satisfeitos em alcançar essa marca, pelos impactos positivos que o engajamento e a contribuição dos cidadãos podem promover nas comunidades”, salientou.
 
A diretora da Casa de Acolhida São Camilo, localizada em Cacoal, Santa Selma, enfatizou a relevância da parceria entre o Nota Legal e a instituição. “Essa parceria é importante, pois traz muitos benefícios e melhora muito a qualidade de vida dos 76 idosos acolhidos na São Camilo. Os recursos possibilitam fazer investimentos na aquisição de equipamentos, profissionais e alimentação", enfatizou.
 
Nas compras a partir de R$ 10,00 realizadas em estabelecimentos locais, os cidadãos que baixaram o aplicativo e se cadastraram no programa, ao solicitarem a nota fiscal com CPF, podem concorrer a raspadinhas instantâneas de R$ 50 a R$ 500. Consequentemente, realizam a doação de R$ 0,25 às entidades sociais cadastradas, e ainda concorrem aos sorteios trimestrais, que neste fim de ano, para o Sorteio de Natal, será de meio milhão de reais em prêmios, divididos entre 5 mil a 20 mil reais, contemplando um total de 50 pessoas.
Direito ao esquecimento
Como você classifica a gestão de Cleiton Cheregatto em Novo Horizonte do Oeste?
Quem é mais culpado pelas enchentes em Porto Velho?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

N J Schaefer

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS