ALAN QUEIROZ: Deputado busca transparência na concessão da BR-364 em reunião parlamentar

Em reunião com senador, foi discutida a concessão da BR-364, enfatizando transparência e representação dos interesses populacionais

ALAN QUEIROZ: Deputado busca transparência na concessão da BR-364 em reunião parlamentar

Foto: assessoria

Durante sua agenda parlamentar em Brasília, o deputado estadual Alan Queiroz (Podemos) se reuniu com o senador Confúcio Moura (MDB) para solicitar informações atualizadas referentes a concessão da rodovia federal BR-364, cujos estudos de privatização estão em andamento desde o ano passado, com um investimento previsto de R$ 5,4 bilhões.
 
No decorrer da reunião, discutiu-se o encaminhamento do projeto para análise do Ministério dos Transportes e posterior avaliação pelo Tribunal de Contas da União (TCU). O deputado Alan Queiroz reiterou a importância da transparência no processo e seu compromisso em representar os interesses dos rondonienses.“A transparência é fundamental em processos como este, e estou comprometido em garantir que os interesses da população sejam representados integralmente”, ressaltou.
 
Segundo o relatório do projeto aprovado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), a rodovia receberá melhorias e ampliações, incluindo duplicações de 113,7 km, faixas adicionais de 200 km, um contorno em Ji-Paraná (RO) e uma via de acesso ao Porto Novo, conhecida como "Expresso Porto", totalizando 34,4 km de novas vias.
 
Por fim, o projeto para a concessão de 686,7 km da rodovia, que engloba trechos do Guaporé, Cacoal, Ouro Preto do Oeste e Porto Velho, está no lote designado como Centro Norte 5 (CN5). Se a concessão for aprovada, a responsabilidade pelos serviços na rodovia será transferida para o setor privado por um período específico. Com a aprovação do Tribunal de Contas da União (TCU), o edital será lançado ainda este ano.
 
Direito ao esquecimento
Nos últimos 25 anos, qual prefeito de Porto Velho teve a melhor gestão?
Como você classifica a gestão de Alex Testoni em Ouro Preto do Oeste?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS