BOLETIM CORONAVÍRUS - CLIQUE AQUI E FIQUE ATUALIZADO

VIOLÊNCIA: PMs brigam por horário de almoço e um aponta arma para o rosto do colega

Imagens do conflito, gravadas por pessoas que o presenciaram, circularam nas redes sociais

O TEMPO

04 de Dezembro de 2020 às 17:11

Foto: Divulgação

 

O TEMPO - Na esquina entre as ruas dos Timbiras e Santa Efigênia, no Centro da capital de São Paulo, dois policiais militares em serviço brigaram fronte a diversos pedestres nesta sexta-feira (4). 

 
No momento de maior tensão, um dos agentes chegou a apontar uma pistola para o rosto do colega de profissão. Imagens do conflito, gravadas por pessoas que o presenciaram, circularam nas redes sociais.
 
Em um dos vídeos, é possível ouvir pedestres gritando e incentivando a briga “mata ele”, “atira na bunda dele”. O policial que estava com a arma apontada para seu rosto tenta desarmar o outro agente e, neste momento, transeuntes que assistiam entusiasmados à briga se afastaram e correram. 
 
Conforme publicado pelo portal “Uol”, a briga teria sido motivada por uma “discussão sobre o almoço”. O agente que apontou a arma precisaria assumir o turno do colega, mas não o fez. 
 
A Polícia Militar de São Paulo (PM) informou em nota que os militares foram “identificados e imediatamente retirados de serviço”. "Comando do Policiamento local está adotando as providências cabíveis em relação aos fatos", conclui a corporação no texto. 
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS