CHRISÓSTOMO: Deputado pede aprovação de PL na Comissão de Minas e Energia

PL visa dar povo a possibilidade de explorar os recursos minerais já existentes nas áreas de conservação

CHRISÓSTOMO: Deputado pede aprovação de PL na Comissão de Minas e Energia

Foto: Assessoria

Na manhã de hoje em Brasília, o Deputado Federal Coronel Chrisóstomo membro da Comissão de Minas e Energia, promoveu um debate ao defender o PL 5822/2019 sua relatoria, onde visa estabelecer programas de estímulo à exploração de recursos minerais por meios de lavras garimpeiras de pequeno porte.
 
Ao iniciar os trabalhos da Comissão de Minas e Energia, nesta quarta-feira (10), onde é membro titular o deputado federal Coronel Chrisóstomo, vice-líder do PL na Câmara por Rondônia, não deixou de cobrar e solicitar mudanças na política de energias limpas, onde destacou a atual forma de trabalho e atuação da ANEEL que hoje esta totalmente ultrapassada e causa muito problema ao povo rondoniense e ao país, o que foi uma unanimidade sua fala entre os outros deputados também na Comissão da Câmara dos Deputados.
 
O trabalho contundente pela aprovação do projeto de lei do deputado Coronel Chrisóstomo na Comissão de Minas e Energia – CME foi devido Rondônia ser um dos estados com uma das maiores áreas extrativistas do país.
 
“Objetivo do PL é trazer aos povos originários, indígenas como eu, a possibilidade de explorar os recursos minerais já existentes na área de conservação a qual já pertencem, com a garantia de que essa exploração traga baixo impacto ambiental”, afirmou o deputado Coronel Chrisóstomo.
 
De acordo com os levantamentos feitos pelos órgãos de fiscalização, a maior parte dos metais extraídos nas áreas de conservação e fora dela hoje, são vendidos a baixo custo, com valores irrisórios e vão diretamente para o exterior de forma totalmente ilegal. “Não é justo vendermos nossas riquezas a preços irrisórios e recebermos quase nada por isso. Meu estado de Rondônia merece essa aprovação do PL. Desde 2021 defendo esta relatoria e espero que definitivamente este ano, consigamos avançar e finalizar esta questão com este projeto” afirmou o deputado.
 
Entre diversas outras medidas importantes, Coronel Chrisóstomo enfatizou novamente a que o proposto para a Comissão de Minas e Energia é mudar e atualizar as antigas ideias que hoje compõem a atual gestão no tocante a energia verde, além de determinar e diminuir mais a disparidade entre os estados geradores de riquezas minerais.
 
Ao final, Coronel Chrisóstomo afirmou que essas ações da CME reforçam o compromisso da Câmara Federal com povo brasileiro e principalmente com o estado de Rondônia e visa diretamente à proteção ao meio ambiente, com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e sustentabilidade.
Direito ao esquecimento
Como você classifica a gestão de Aldo Júlio em Rolim de Moura?
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ariquemes tem sua preferência?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS