DESENROLA BRASIL: Programa já renegociou mais de 40 mil contratos de dívidas no estado

Pelo menos 16 milhões de reais foram renegociados por iniciativa; Porto Velho está entre as líderes de negociações no país

DESENROLA BRASIL: Programa já renegociou mais de 40 mil contratos de dívidas no estado

Foto: Diário de Pernambuco

Mais de 17,8 mil pessoas em Rondônia já resolveram suas pendências financeiras por meio da faixa 1 do programa "Desenrola Brasil", uma iniciativa do Governo Federal. O montante total de débitos renegociados atinge a marca de R$ 16,4 milhões, distribuídos em mais de 40 mil contratos.

 

O Desenrola Brasil oferece a oportunidade de renegociar dívidas de até R$ 5 mil, possibilitando o pagamento à vista ou em até 60 parcelas, com uma taxa de juros de até 1,99% ao mês. Para aqueles que possuem débitos entre R$ 5 mil e R$ 20 mil, também é possível realizar novos acordos de pagamento diretamente com as instituições financeiras.

 

Conforme dados divulgados pelo governo federal, um total de R$ 3 milhões em dívidas foram liquidadas integralmente, enquanto R$ 13,4 milhões foram negociados em forma de parcelamento.

 

Faixa 1

 

O termo "Faixa 1" do Desenrola refere-se às negociações destinadas a pessoas com renda de até dois salários mínimos ou inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico). Essa modalidade abrange dívidas registradas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022, desde que não ultrapassem o valor de R$ 20 mil cada.

 

As renegociações por meio do programa Desenrola Brasil podem ser realizadas até o dia 31 de março, de acordo com informações fornecidas pelo Governo Federal.

 

Destaques

 

Quanto às cidades com maior volume de negociações, Porto Velho figura entre as 30 localidades com maior número de acordos na faixa 1 do Desenrola Brasil. Um total de 9.817 indivíduos da cidade reestruturaram suas dívidas através do programa, resultando em um valor de R$ 9,75 milhões renegociados em 23.954 contratos.

 

Segue abaixo a lista das cidades com mais negociações no programa:

 

Salvador

 

São Paulo

 

Rio de Janeiro

 

Brasília

 

Manaus

 

Fortaleza

 

Belo Horizonte

 

Campo Grande

 

Curitiba

 

Recife

 

Belém

 

Guarulhos

 

Goiânia

 

Porto Velho

 

Porto Alegre

 

Cuiabá

 

João Pessoa

 

Teresina

 

Nova Iguaçu

 

Duque de Caxias

 

São Luís

 

Uberlândia

 

Campinas

 

São Gonçalo

 

Osasco

 

Maceió

 

Natal

 

Rio Branco (AC)

 

São Bernardo do Campo (SP)

 

Contagem (MG)

 

Feira de Santana (BA)

Direito ao esquecimento
Como você classifica a gestão de Cleiton Cheregatto em Novo Horizonte do Oeste?
Quem é mais culpado pelas enchentes em Porto Velho?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

N J Schaefer

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS