PREOCUPANTE: MP verifica mais de 800 ocorrências de violência doméstica em Ariquemes

Órgão faz alerta para combater esse tipo de crime de forma efetiva

PREOCUPANTE: MP verifica mais de 800 ocorrências de violência doméstica em Ariquemes

Foto: Divulgação

O Ministério Público de Rondônia apresentou dados da violência doméstica em Ariquemes e alertou para a importância do enfrentamento ao problema na região, durante palestra ministrada em audiência pública na Câmara de Vereadores da cidade, na última quarta-feira (14).

 

Estatísticas oficiais apontam o registro de 826 ocorrências policiais de crimes cometidos no âmbito doméstico, no último ano, na cidade. Pelo menos 45,5% foram tipificados como lesão corporal.

 

A palestra foi proferida pela promotora de Justiça Laíla de Oliveira Cunha Nunes, na atividade que marcou o encerramento da Campanha 16 Dias de Ativismo em Ariquemes. A audiência teve a presença de representantes com atribuições no combate à violência doméstica, integrantes da rede de proteção e comunidade.

 

Enfatizando o alarmante cenário de violência de gênero, a integrante do Ministério Público afirmou, para fins de comparação, que a cidade de Cacoal registrou 445 ocorrências dessa natureza, um volume consideravelmente menor que o de Ariquemes.

 

Expondo dados da Ouvidoria Nacional, que aponta mais de 30 mil denúncias envolvendo violência doméstica contra mulheres este ano, a palestrante conclamou o público a se unir no enfrentamento à questão.

 

“Esses dados mostram o quanto precisamos fortalecer a nossa rede para atuar especialmente na prevenção dos crimes ocorridos no âmbito doméstico. Por isso, essa deve ser uma tarefa de todos nós, sociedade, Ministério Público, Poder Legislativo, Poder Executivo e Poder Judiciário”, disse ela.

 

A promotora de Justiça destacou o intenso trabalho da rede, pontuando que o grupo, composto por órgãos públicos e sociedade civil, manteve-se atuante mesmo no período mais agudo da pandemia.

 

“Precisamos ampliar a rede de atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica em nosso município, especialmente no que toca ao atendimento psicológico, assistência jurídica e à capacitação profissional. Esse é o nosso desafio porque somente assim essas mulheres conseguirão romper o ciclo de violência, que muitas vezes enfrentam em seus lares”, ressaltou.

 

A audiência pública que marcou o encerramento da Campanha 16 dias de Ativismo em Ariquemes foi precedida de caminhada pelas principais ruas da cidade. A campanha é uma mobilização nacional para conscientização e intensificação de ações de enfrentamento à violência doméstica.

Direito ao esquecimento
Como você avalia a gestão do prefeito Armando em Seringueiras?
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ouro Preto do Oeste tem sua preferência?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS