CRIANÇAS: Teatro de animação mostra mitos e tradições brasileiras em dois espetáculos

As apresentações contarão com intérpretes em Libras

CRIANÇAS: Teatro de animação mostra mitos e tradições brasileiras em dois espetáculos

Foto: Divulgação

Entre 18 de abril (a partir das 15h) e 1º de maio, a programação infantil do Itaú Cultural (IC) na internet conta com uma sessão dupla de teatro de animação. Nesta página e no nosso canal no YouTube, são disponibilizados os espetáculos Passarinhar, da companhia pernambucana Tropa do Balacobaco, e Quatro patas, do cearense Grupo Bricoleiros.

 

Duas companhias de teatro apresentam os espetáculos entre 18 de abril (Domingo), a partir das 15 horas, a primeiro de maio, por meio do canal do Itaú Cultural no YouTube.

 

Serão disponibilizados os espetáculos Passarinhar, da companhia pernambucana Tropa do Balacobaco, e Quatro patas, do cearense Grupo Bricoleiros

 

Com um trabalho focado nos mitos e nas tradições do povo brasileiro, a Tropa do Balacobaco adota, em Passarinhar, o formato do teatro lambe-lambe – uma das vertentes do teatro de animação, na qual os bonecos são manipulados em espaços bem reduzidos, como uma caixa, fazendo com que o espetáculo possa ser apresentado nos mais diversos lugares. No caso desta sessão, na internet.

 

Quatro patas, por sua vez, conta a história de um gato que tenta recuperar a relação com seu melhor amigo, um menino que só pensa em jogar videogame. Mostrando que há momentos para o mundo virtual e momentos para o mundo real, o trabalho do Grupo Bricoleiros traz cenas que abordam temas como paciência e superação.

 

Serviço

 

Passarinhar + Quatro patas [com interpretação em Libras]
de domingo 18 de abril, às 15h, a sábado 1º de maio de 2021
[duração total aproximada: 30 minutos]
on-line – nesta página e no canal do Itaú Cultural no YouTube
[livre para todos os públicos]

 

Atividade gratuita

 

Ficha técnica (Passarinhar)


Lambelambeira e direção: Jéssica Mendes
Iluminação: Vitor Cruz

Ficha técnica (Quatro patas)

Roteiro: Grupo Bricoleiros
Direção: Cristiano Castro
Criação dos bonecos e cenografia: Cristiano Castro e Eliania Damasceno
Figurino: Eliania Damasceno
Seleção da trilha sonora e concepção de luz: Cristiano Castro
Operação de luz e som: Eder Lima
Bonecos: marionetes de manipulação direta 
Elenco: Cristiano Castro, Eliania Damasceno e Emile Castro
Fotografia: Luiz Alves

 

Fonte: Itaú Cultural

Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS