CEPA PERIGOSA: Governo confirma mais 35 casos da variante Delta em nove cidades de RO

A idade das pessoas identificadas com a cepa oscila entre 15 e 77 anos.

A propagação da variante Delta em Rondônia está cada vez mais rápida. O secretário Estadual de Saúde, Fernando Máximo, anunciou o aumento dos casos em um vídeo (veja acima) enviado à imprensa, nesta quinta-feira (23).
 
De acordo com Máximo, o Setor de Vigilância Genômica da Fiocruz Rondônia em parceria com o governo Estadual identificou mais 35 casos da cepa em todo o Estado.
 
A variante do vírus da covid-19, foi confirmada em nove cidades de Rondônia. São elas:
 
Porto Velho: 2 casos
 
Ariquemes: 5 casos
 
Jaru: 6 casos
 
Ouro Preto do Oeste: 1 caso
 
Ji-Paraná: 14 casos
 
Rolim de Moura: 3 caso
 
Pimenta Bueno: 2 casos
 
Cacoal: 1 caso
 
Chupinguaia: 1 caso
 
A idade das pessoas identificadas com a cepa oscila entre 15 e 77 anos. 
 
De acordo com o secretário, dos 35 contaminados, apenas 8 foram totalmente imunizados. Outros 18 receberam somente a primeira dose e 9 não tomara vacina.
 
A Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), afirmou que nenhum dos infectados estão em estado grave, no entanto, eles serão acompanhados. 
 
A Sesau confirmou também que nenhum dos pacientes contaminados com a Delta, morreu em razão da cepa.
 
Com esses 35, soma-se 42 casos da Delta em todo o Estado. O governo de Rondônia e a Fiocruz monitoram os casos.
 
A Delta
 
A variante Delta está entre as mais potentes do coronavírus. Ela foi descoberta na Índia, em outubro de 2020 e seu poder de transmissibilidade é muito elevado. 
 
 
Revelações apontam que a Delta tem poder de mutações muito rápido e elas permitem que o vírus tenha contato facilmente com as células dos seres humanos e escape de algumas reações imunológicas, segundo Deepti Gurdasani, epidemiologista clínico da Universidade Queen Mary, de Londres.
 
Seus sintomas são um pouco diferentes dos de outras variantes da covid-19. Geralmente dor de cabeça, nariz escorrendo e garganta dolorida, apontam que a cepa está presente naquela pessoa.
 
 
Direito ao esquecimento

Em qual supermercado você prefere fazer suas compras?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública.

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS