DESACERTO: Sócio que mandou matar parceiro em divisão de lucros é condenado em RO

Vítima foi atraída ao local do crime para supostamente receber pagamento de dívida; outros dois cúmplices também foram considerados culpados

DESACERTO: Sócio que mandou matar parceiro em divisão de lucros é condenado em RO

Foto: Site advocaciareis.adv.br

Um homem foi sentenciado a mais de 30 anos de prisão por encomendar a morte de seu sócio, o empresário Laércio Alves da Silva, devido a um "desacordo" relacionado à divisão de lucros e uma dívida pendente com a vítima. Dois cúmplices do réu também foram condenados pelo crime em Ariquemes.

 

Inicialmente, o caso de Laércio parecia ser um latrocínio, pois, além de matarem a vítima, os suspeitos roubaram sua caminhonete e outros pertences que nunca foram localizados pela polícia. Segundo a denúncia apresentada à Justiça, os suspeitos tinham a intenção de disfarçar o homicídio como um latrocínio.

 

O crime ocorreu em 7 de dezembro de 2017, na zona rural de Ariquemes. A vítima foi atraída ao local pelo sócio, sob o pretexto de receber o pagamento de uma dívida e inspecionar uma máquina escavadeira hidráulica que possuíam em sociedade.

 

Conforme a denúncia, o crime foi meticulosamente planejado pelos réus. O mandante contratou os cúmplices com a promessa de que eles poderiam ficar com o veículo da vítima e outros pertences que ela possuía. O caso também envolveu menores de idade.

 

Laércio foi morto com tiros e golpes na cabeça. Seu corpo foi abandonado em uma área rural e foi encontrado por moradores locais que ouviram os disparos e viram uma caminhonete saindo da cena do crime, conforme relataram à polícia.

 

O julgamento dos suspeitos durou mais de 24 horas na Comarca de Ariquemes. As sentenças foram as seguintes:

 

- O mandante do crime foi condenado a 30 anos e 8 meses de reclusão, além de 1 ano de detenção;

 

- O primeiro cúmplice recebeu uma pena de 30 anos, 4 meses e 29 dias de reclusão, além de 10 dias de detenção;

 

- O segundo executor, que na época tinha menos de 21 anos, foi condenado a 26 anos e 8 meses de reclusão, além de 6 meses de detenção.

Direito ao esquecimento
Como você classifica a gestão de Aldo Júlio em Rolim de Moura?
Qual pré-candidato à Prefeitura de Ariquemes tem sua preferência?

* O resultado da enquete não tem caráter científico, é apenas uma pesquisa de opinião pública!

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

CLASSIFICADOS veja mais

EMPREGOS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

DESTAQUES EMPRESARIAIS

EVENTOS