SINDICATO: Reformas administrativa e previdenciária, terceirização de serviços públicos

SINDICATO: Reformas administrativa e previdenciária, terceirização de serviços públicos

Foto: Divulgação

 
A atual conjuntura política tem trazido uma onda de retrocessos sem precedentes aos servidores públicos. Direitos conquistados pelos servidores públicos, inclusive muitos transitados em jugado, por meio de lutas sindicais, estão de uma hora pra outra, sumariamente desaparecendo. Esses retrocessos nada mais são do que parte da política estatal de privatização e precarização dos serviços públicos.
 
Tudo isso, porque os governantes iniciaram uma série de ataques contra os sindicatos, com o objetivo claro de enfraquecer a luta da classe trabalhadora, por meio de medidas destrutivas da organização e autonomia sindical.
 
A história nos mostra com resultados positivos, que somente por meio de organização da classe dos servidores, em torno de seus interesses, consegue garantir melhorias concretas com ganhos para toda a sociedade.
 
Este é o papel do Sindicato: lutar pelos direitos dos trabalhadores com total independência e liberdade de ação, sem conotação de nenhum viés político-partidário, mas com o compromisso principal de enfrentar as injustiças no mundo do trabalho. Sozinho, o servidor não é capaz de confrontar essas desigualdades, haja vista que não detém o mesmo poder que possui o patrão.  Portanto, o papel do sindicato é estimular a luta coletiva que sempre será extremamente necessária no combate contra injustiças aplicadas aos servidores.
 
O Sindicato existe para proteger os direitos dos trabalhadores, bem como sua existência está relacionada à sobrevivência dos direitos da categoria.
 
Mantenha-se filiado em seu sindicato por lutas e conquistas! Traga mais servidores para filiarem-se e fortalecer nosso sindicato!
 
Capital e Interior juntos e fortalecidos em um Sindsef para todos.
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

Por Editoria

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS