DA UNIRON: Acadêmica de Direito publica artigo científico em revista eletrônica da ESA/RO

O artigo entitulado “Uma análise acerca da violência doméstica e a normatização da proteção à mulher”, teve a Coordenação da Professora Andréia Alves de Almeida

DA UNIRON: Acadêmica de Direito publica artigo científico em revista eletrônica da ESA/RO

Foto: Divulgação \ Da direita para a esquerda: Ingrid, Andréia e Girlene

A acadêmica do 7º período do curso de Direito da UNIRON, Girlene Ferreira Cerqueira em parceria com sua amiga Ingrid de Castro Rodrigues, publicaram artigo científico na revista eletrônica da ESA – Escola Superior de Advocacia, Seccional Rondonia. O artigo entitulado “Uma análise acerca da violência doméstica e a normatização da proteção à mulher”, teve a Coordenação da Professora Andréia Alves de Almeida.
 
O presente trabalho teve como objetivo propiciar uma visão ampla e atual da realidade da mulher em meio a violência doméstica, a qual ainda é uma problemática a ser liquidada dentro da sociedade. O Brasil, sendo o 5º país que mais mata mulheres no mundo todo, exibe um alerta para que a desconstrução da misoginia seja buscada o quanto antes. Através de pesquisa bibliográfica realizada com base em dados doutrinários e artigos oficiais da ONU, foi possível analisar a experiência da realidade das mulheres em condições violentas, buscando conhecer a relação entre a vivência de violência na família e seus resultados refletidos na sociedade. Além disso, percebeu-se que a violência intrafamiliar é apenas, parte de um conjunto colossal da visão retrógrada para com a condição do “ser mulher”. 
 
Ingrid, ressalta a importância de abordar o tema sobre violência doméstica e feminicídio, enfatizando a necessidade de debater o mesmo, que embora possa parecer antigo, é bastante recente. Para ela “é importante a mulher refletir se está passando por alguma violência, e, que, além de não permitir que isso aconteça, procure seus direitos. Acredito que este artigo poderá contribuir para disseminar a importância da mulher ser respeitada, independente de haver legislação específica que a proteja. Por último, me sinto realizada, por este ser o primeiro paper que desenvolvi, pois o mesmo ajudará no meu desenvolvimento acadêmico e pessoal e a contribuição que estamos dando para a sociedade”.
 
Para Girlene, o artigo foi “uma vista além do horizonte, fugindo do senso comum e nos levando a enxergar a realidade da consequência da violência no âmbito familiar e doméstico, e, que por vezes, recai sobre os descendentes, o que acaba por gerar novos agressores e novas vítimas.  
 
A Professora Andréia, que atuou como orientadora das acadêmicas, recorda que a produção do artigo científico iniciou em um período não obrigatório para a iniciação científica, o que o torna ainda mais relevante para a expansão do conhecimento e para o desenvolvimento acadêmica e profissional das orientandas. Ao mesmo tempo, o conteúdo servirá para debater e alertar a sociedade em geral a cerca da violência doméstica e feminicídio.
 
A revista eletrônica da ESA/RO é  disponibilizada anualmente e está na segunda edição. O artigo mencionado acima, pode ser acessado através do link: https://www.instagram.com/p/CLmxG7QjyuM/?igshid=1v58q67divtx3
Direito ao esquecimento

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA

ROVIVO TV

DESTAQUES EMPRESARIAIS

PUBLICAÇÕES LEGAIS

COLUNAS